A Riqueza do Amar

IMG_1400.JPG

A verdade mesmo é que eu não nasci pra viver sozinho. Sim, é legal o lance de estar sozinho, de ter a liberdade, de fazer o que quiser, mas chega uma hora que você precisa compartilhar algo, compartilhar seus sentimentos, suas angustias, seus pensamentos, sua vida. E nesse tempo que fiquei sozinho eu descobri uma coisa interessante sobre o amor.

Amor é um sentimento que não serve pra segurar sozinho, porque quando você carrega ele sozinho você se machuca. É como levar toneladas em seus ombros, é como carregar um mundo nos braços, pesa mais que qualquer coisa que você possa imaginar. Mas quando você tem alguém pra dividi-lo, ele fica leve, tão leve como as nuvens do céus… Tornam-se seu chão, seu caminho, sua firmeza, sua segurança.

Olhar para baixo não dá mais medo, o céu não vira mais o limite e não tem nada mais gostoso do que dividir esse amor com essa pessoa. Suas manhãs ficam mais bonitas, seu sorriso sai mais fácil, até as coisas que você não gosta ganham uma certa beleza, porque o amor muda também o modo de ver as coisas.

Então a pessoa não precisa ter o corpo perfeito, porque você vai amar cada parte dele. Ela pode nem ser tão legal assim, mas quem não tem um lado chato, não é? Ela não precisa ter muitas coisas, porque só de olhar nos olhos dela você consegue enxergar a verdadeira razão de amar, de escolher todos os dias essa pessoa.

Amar é a maior ato que podemos fazer nessa vida.

Ser amado é a maior riqueza que podemos receber dela.

Acácio Rodrigues

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s