Ainda assim na conquista há dor…

Um novo tempo, um novo céu, um novo ar
Algo surreal, que olho e não consigo decodificar
Meu coração bate mais forte, mais intensamente
Ouvindo as promessas e o caminho que há de vir

Em minhas mãos a capacitação e em meus ombros a responsabilidade
Em minha mente sua palavra e meu coração a certeza da vitória
Em meu corpo sua armadura e em meus pés suas sandálias das boas novas

Nesse caminho até então desconhecido, percorro com destreza e fé
E cada passo uma surpresa, um degrau, uma barreira
Havia uma pedra caminho, no caminho havia uma pedra
Mesmo assim sigo em frente, sem ao menos olhar pra traz

No escurecer o contra ataque vêm, as flechas com pontas envenenadas
O escudo me protege, seu amor me cobre, suas forças se tornam a minha
Mesmo assim o peso cai em meus ombros, a dor quer me fazer entregar
Mas neste momento tua luz é minha luz, tua paz a minha paz

O choro pode durar uma noite, mas a alegria vêm pela manhã
Neste dia que nasce vejo um caminho brilhante, um caminho formoso
Que não é fácil percorrer, que a força adversa me fez chorar
Mas suas mãos sempre atentas a colher todas elas

Ainda sim na conquista há dor, ainda sim a tristeza vêm
E mesmo que as lágrimas não contenha em meu olhos, confio em tí
Porque sigo seu caminho, que posso não entender, mas sigo em frente
Pois sei que vale a pena cada passo, cada ordem, cada comando…

Acácio Rodrigues

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s